Chevrolet Corvette, paixão eterna

Apaixonados por carro vão vibrar com essa notícia. A Chevrolet finalmente revelou, por completo, a nova geração do Corvette. A oitava edição do veículo traz pela primeira o motor central, algo que a marca pretendia fazer, há décadas.

Carros
3 semanas atrás
Chevrolet Corvette, paixão eterna

A nova linhagem representa uma profunda quebra de paradigma para o carro esportivo icônico da América. O modelo passa a contar com novo posicionamento do motor, que antes ficava na dianteira, além de ganhar visual e chassis novos.

Como determinadas tradições são obrigatórias e foram mantidas, o Corvette traz, por exemplo, o teto targa, rígido removível, que pode ser guardado no porta-malas traseiro. Os dois bagageiros juntos somam 357 litros.

Preço

O modelo vai começar a ser produzido no fim deste ano e chegará às lojas norte-americanas por cerca de US$ 60 mil. Não há informações sobre chegar ao Brasil.

Pra manter os custos de produção relativamente baixos, a oitava geração será feita quase toda de alumínio, e não de fibra de carbono, mais leve e rígida.

Como o Corvette C7, o 2020 Corvette C8 será produzido exclusivamente na planta de montagem da GM Bowling Green em Kentucky .

Protótipo confirmado

Como já tinha sido antecipado em protótipos que circularam pelo mundo inteiro, o visual é muito agressivo. O Corvette 2020 tem grandes entradas de ar na dianteira, com um pequeno spoiler frontal.

O parabrisa chega bem inclinado e o perfil remete ao de uma Ferrari 488, com a cabine mais avançada e a frente bem mais curta. As laterais têm duas grandes entradas de ar para o motor. As rodas são de 19 polegadas na frente e 20 atrás com pneus Michelin desenvolvidos especialmente para o modelo.

De acordo com a montadora, a mudança de local do motor proporciona uma melhor distribuição de peso para o esportivo, que tem 1.530 kg. Além disso, o posicionamento do motorista mais próximo ao eixo dianteiro melhora a pilotagem do carro, afirma Chevrolet.

Outro recurso interessante, que atenderia muito bem aos brasileiros, é o sistema que eleva em 4 centímetros a suspensão dianteira, para não raspar em rampas e lombadas.

Por dentro do Corvette

Internamente, o novo layout do motor central dá ao Corvette uma cabine completamente nova e equipada com um par de monitores digitais para o painel de instrumentos e o sistema de entretenimento. O arranjo envolvente parece bastante aconchegante e centrado no motorista, com um console central robusto separando o condutor do passageiro.

A surpresa vai agradar os fãs de botões. Eles vão adorar a verdadeira faixa de controle manual aninhada na coluna central do C8. Não é difícil encontrar aqueles que podem achar que os botões, que operam o sistema de ar-condicionado, painel e assentos, são desagradáveis, contudo, as vezes é melhor simplesmente pressionar um botão em vez de navegar em um monitor.

O estofamento preto com costura de contraste vermelho cobre tudo no interior do novo Corvette, criando um ambiente único. Já as peças de metal escovado são encontradas nos raios do volante, ao longo do painel e nas portas, onde é possível ver pedaços de carbono ao longo dos braços.

O divisor central entre o banco do motorista e o assento do passageiro parece ser similar em largura ao modelo atual, e vem com uma longa linha de botões rígidos ao longo de sua borda externa para vários recursos de conforto, como HVAC, sem mencionar o pára-brisa e traseira descongelador de vidro, juntamente com as funções de resfriamento e aquecimento do assento.

Um aspecto que merece destaque do novo interior do Corvette é a grande tela de infoentretenimento adicionada à direita do volante. Ao invés dela ocupar um lugar no painel, esta tela parece estar conectada ao conjunto de indicadores principal, inclinando-se em direção ao motorista para facilitar o acesso em tempo real.

Quando o assunto é equipamentos, unidades aprovisionadas com o pacote Z51 Performance Package acrescentam freios mais robustos e sistema de escape exclusivo, além da potência extra.

Outro fato que merece destaque é o sistema Magnetic Ride Control, que pode ser controlado através de vários modos de condução, incluindo o chamado modo Z, que oferece personalização completa de todas as configurações. Os componentes elétricos fazem parte da nova plataforma de veículos digitais e da arquitetura eletrônica do C8 que, entre outras coisas, permitirão atualizações futuras.

Ainda dentro da cabine, os clientes terão acesso às mais recentes guloseimas de informação e entretenimento da montadora através de uma tela de alta resolução de última geração montada ao lado de um painel de instrumentos personalizável de 12 polegadas.

Os recursos de destaque incluem carregamento de telefone sem fio, informações de trânsito em tempo real e reconhecimento de voz de aprendizado conforme o uso. No lado do conforto das coisas, o C8 vai oferecer um volante aquecido e três opções de assentos com níveis crescentes de apoio lateral.

O Chevrolet Corvette 2020 tem sistema de som Bose com 14 alto-falantes e tecnologias wireless para recarga de smartphones e NFC para integração do aparelho móvel com funcionalidades do carro. O esportivo tem duas opções de bancos: GT1 para maior conforto e com couro Mulan, enquanto o GT2 tem tecido inspirado em coletes de kevlar e voltado para competição.

Novo V8

O novo motor V8 fica a mostra sob um vidro transparente nessa atual configuração. Por falar no propulsor, e ele é um novo 6,2 litros montado em posição central traseira que entrega 497 cv e 64,3 mkgf. Um pacote opcional chamado Z51 Performance Package eleva os números para 502 cv e 65 mkgf.

A GM não vai oferecer transmissão manual para esta geração do Corvette. A única opção é uma caixa de dupla embreagem com oito marchas. A tração é sempre traseira.

O arranque a 60 mph leva menos de três segundos com o Z51 Performance Package, fazendo do C8 o Corvette de entrada mais rápido de todos os tempos.

A estrutura faz uso extenso de fibra de carbono, que ajudou o peso a ficar em magros 1.530 quilos. Há também alumínio e uma resina criada pela própria GM para moldar peças como painel e acabamentos na frente e atrás.

As luzes traseiras LED e os faróis de perfil baixo cuidam da iluminação, enquanto uma grande porta traseira mostra o motor V8. Um painel de teto removível deixa entrar atmosfera extra e pode ser armazenado no tronco traseiro. Mais armazenamento é encontrado na frente, e ambos os troncos se combinam para oferecer mais de 12,6 pés cúbicos de volume de carga.

Pilotando Sonhos

Antes de viajar por aí você deve se programar muito bem, olhando o mapa e traçando a rota até o local desejado, isso é muito importante pensando na segurança da viagem e a comodidade, pois quanto melhor o percurso, mais proveitoso será o seu passeio. O Pilotando Sonhos te ajuda a se preparar para a estrada.

Vamos Bater um Papo?