JAC T50, um SUV equipado e com bom preço

Apegando-se ao design e uma exclusiva garantia de 6 anos, a JAC Motors quer emplacar o novo T50 no mercado brasileiro. E quem busca um SUV completo, com preço atrativo, o veículo configura com uma ótima opção.

Carros
2 anos atrás
JAC T50, um SUV equipado e com bom preço

Recheado de itens de série, o destaque fica para o botão de partida sem chave de ignição, o sistema start-stop, o kit multimídia com espelhamento de celular e a câmera 360 graus.

O T50 é a modernização do T5, porém inteiramente renovado, desde o visual até à mecânica. Como toda renovação nem sempre agrada a todos, para alguns o carro ficou pesado e dificulta o trabalho do motor e do câmbio, principalmente na estrada, quando o motorista costuma pisar fundo.

Preço chama atenção

Como dito no início da matéria, o SUV da JAC vale a compra em razão do valor e por ser completo.

O modelo 2019 do T50 tem a versão de entrada com preço de R$ 83.990 e a topo de linha por R$ 87.990.

Motorização

O T50 da JAC vem equipado com o motor 1.6 DVVT de 138 cavalos a 6.000 rpm e 17,1 kgf.m a 4.000 rpm.

Mesmo um pouco criticada, a motorização desse SUV não chega ser decepcionante, mesmo hoje em dia carros dessa categoria contar com tecnologias mais modernas de propulsor, no que se refere ao turbocompressor e sistema de alimentação.

Embora exista a promessa da montadora em oferecer um motor flex ainda em 2019, o propulsor atual é abastecido apenas com gasolina e deixa os consumidores um pouco preocupado, mesmo tendo aqueles fiéis ao abastecimento do derivado de petróleo.

A alegação da fabricante é de que no momento não é viável um investimento para que o trem de força possa aceitar o álcool como forma de abastecimento.

Deixando as desvantagens, que não chegam a ser um grande problema de lado, o motor trabalha com a transmissão automática de 6 velocidades tipo CVT, porém capaz de simular a troca, dando ao motorista a possibilidade de dominar melhor a rotação do motor e obter o desempenho desejado.

Apesar do peso excessivo, em razão da atualização do desenho, e de um motor ultrapassado é possível manter 110 km/h na marca dos 2.800 rpm, considerado admissível para as estradas e limites de velocidade existentes no país.

Central multimídia renovada

A central multimídia também está renovada no T50. Entre as muitas atualizações, ela chega instalada em uma tela flutuante touchscreen de 8 polegadas com a probabilidade de espelhar aparelhos smartphones, uma tecnologia cada vez mais presente nos veículos atualmente.

Um ponto negativo nesse quesito ficou por conta da ausência dos protocolos Android Auto e Apple CarPlay para deixar o sistema mais adequado e intuitivo.

De acordo com Sérgio Habib, presidente do grupo SHC, representante da marca no Brasil, mais adiante a multimídia da JAC terá Google Android Auto e Apple Car Play.

Nova aparência ou atualização

No mundo automotivo, as modificações de estilo feitas num carro durante seu ciclo de produção são chamadas de ‘facelift’. Ao contrário do que dizem, no caso do T50, o que ocorreu mesmo foi uma bela mudança. Prova é que da antiga geração sobrou apenas alguns equipamentos padrões em carros.

Muito mais atualizado e refinado, o SUV T50 mostra sua nova ‘cara’ trazendo um novo desenho de para-choque mais esportivo e faróis dianteiros totalmente diferentes, incluindo agora assinatura de luz diurna em LED, na versão topo de linha. As novidades incluem ainda novas rodas de liga leve aro 16, moldadas no T40, outro modelo da montadora.

Por dentro, a renovação também é notável. O carro recebeu alteração do material que reveste o painel, agora com revestimento macio e mais refinado, com uma nova central multimídia, citado acima, com as mudanças alcançando até o emprego do material, embora a tela ainda não tenha uma ótima resolução.

Na parte mecânica, a nova geração do carro chinês ganhou um completo ajuste da suspensão que deixou o conforto muito maior do que o da geração anterior, ficando mais firme e absorvendo melhor as trepidações, em pisos como os encontrados no Brasil.

Por fim, completam as mudanças, um novíssimo volante multifuncional e jovens saídas de ar, que ficaram mais ergonômicas e proporcionam uma vasão melhor e consequentemente um menor tempo para chegar à temperatura desejada pelo motorista e seus ocupantes.

Há duas barras no teto e os retrovisores com ajustes elétricos possuem repetidores de direção e impressionam pelo tamanho dos espelhos, garantindo boa visibilidade da traseira. Somado a estes, uma câmera de ré com visão no display da multimídia.

Entre os equipamentos, há uma série de recursos inéditos, como chave presencial que destrava as portas por sensor de presença, partida do motor por botão, câmeras com visão externa 360 graus, retrovisores externos com rebatimento elétrico, câmera frontal, sensor de estacionamento dianteiro, farol de neblina com iluminação direcional, sistema start/stop, entre outros.

Cores e dimensões

Quando falamos de uma SUV, além do tamanho que chama a atenção, a cor é predominante e pode fazer o cliente mudar de ideia.

Se comparado ao T5, o novo JAC traz em sua renovação acabamentos em tons mais escuros, deixando o exagero dos detalhes cromados para ressaltar mais o black piano, o que torna o aspecto geral mais equilibrado e harmônico.

A mesma situação alcança as pinças de freio que são vermelhas e destacam a esportividade do modelo e os frisos laterais que destacam as renovações e modernização do design.

Outras peças também receberam um acabamento melhor remetendo à fibra de carbono, o que acaba contribuindo de modo significativo para dar ao modelo um ar mais aprimorado. Quem gosta de assentos em couro, pode escolher por esse revestimento oferecido de forma opcional.

As dimensões do T5o também impressionam e merecem avaliação por parte do comprador. O SUV chinês tem 4,34 m de comprimento, 1,64 m de altura, distância entre os eixos 2,56 m, e a largura é de 1,76 m.

O porta-malas é um dos maiores da categoria, ficando acima de concorrentes como o Renault Duster (475 litros) e do Honda HR-V (437 litros), chegando a marca de 600 litros de capacidade.

Itens de série do T50

Como já dito anteriormente, o que mais impressiona e chama atenção nas duas versões do T50 é a liste de itens de série que compõe o veículo.

Mesmo na versão de entrada, é possível encontrar:

  • ABS com EBD
  • Airbag duplo frontal
  • Assistente de frenagem
  • Assistente de partida em rampa
  • Controles de tração e estabilidade
  • Direção com assistência elétrica
  • Faróis de neblina, regulagem elétrica dos faróis
  • Monitoramento da pressão dos pneus
  • Partida por botão start-stop
  • Regulagem de altura e profundidade para o volante
  • Sensor de estacionamento dianteiro e traseiro
  • Sistema Isofix para fixação de cadeirinha infantil
  • Travas, vidros e espelhos retrovisores externos elétricos

Os equipamento presentes na versão topo de linha impressionam ainda mais.Nesse modelo o comprador terá os itens acima mais:

  • Acendimento automático dos faróis
  • Ajuste manual do assento do motorista em seis direções
  • Câmera 360°
  • Câmera de ré
  • Espelhamento de smartphone na central multimídia
  • JAC connect front camera (integrada a central multimídia)
  • Luzes diurnas em LED
  • Piloto automático
  • Rack de teto
  • Rebatimento elétrico dos espelhos retrovisores externos
  • Revestimento do volante e dos bancos em couro

Pilotando Sonhos

Antes de viajar por aí você deve se programar muito bem, olhando o mapa e traçando a rota até o local desejado, isso é muito importante pensando na segurança da viagem e a comodidade, pois quanto melhor o percurso, mais proveitoso será o seu passeio. O Pilotando Sonhos te ajuda a se preparar para a estrada.

Vamos Bater um Papo?