Nova Kombi será elétrica. Lançamento só em 2022

Seguindo a linha do Fusca, a boa e imortal Kombi, veículo simbólico da Volkswagen, volta aos holofotes do mundo automotivo. Ela volta com o que existe de mais moderno no momento atual, inclusive com motor elétrico que quebra o padrão, mas veloz e autônoma, conserva o visual retro e ressurge com todas as exigências da lei, além de tecnologia de ponta.

Carros
1 ano atrás
Nova Kombi será elétrica. Lançamento só em 2022

As informações iniciais são de que sua estreia ocorra em 2022, por isso, a fabricante não deu muitos detalhes técnicos da sucessora da Kombi, mas é certo que ela será elétrica e terá um certo nível de condução autônoma, que ajuda o motorista no cotidiano.

O espaço interno é todo modular e traz recursos inéditos, até mesmo com um curioso e enigmático gnomo flutuante sobre o painel. Para muitos, será um modelo de carro antigo, mas que vale a pena comprar, pois trata-se de um carro novo e elétrico.

Conceito ID Buzz

A ‘Kombi’ do futuro será baseada no conceito elétrico ID Buzz, conforme mostrado no Salão do Automóvel de Detroit, em 2017. A nomenclatura Buzz remete ao nome Bus da Kombi nos EUA. Ainda não foi revelada a faixa de preço.

Essa versão será baseada sobre uma nova plataforma elétrica, a MEB, criado pelo Grupo Volkswagen para os modelos elétricos, e que reduz o custo de fabricação nas adaptações dos veículos de combustão.

Ela terá opção de assento variável e até uma alternativa sem os bancos para transportar carga. O modelo aerodinâmico e futurista da clássica Kombi foi mantido, portanto teremos um perfil familiar arrendado em formato pão de forma e a divisão de duas cores.

Detalhes

A Kombi ID Buzz está equipada com painel de instrumentos sem botões e tem um sistema de condução autônoma, o qual é acionado com um leve empurrão sobre o volante e desativado com um toque nos pedais do freio ou acelerador.

Como a maioria dos veículos elétricos, a nova ‘Kombosa’ será equipada com uma admirável tela sensível ao toque, permitindo ao motorista e demais ocupantes controlar todas as funções.

Se tratando de estrutura, nova Kombi se difere completamente do modelo antigo, trazendo tecnologias abundantes como um sistema inovador de abertura do veículo por meio do celular. Não dava para esperar outra coisa, por ser um veículo totalmente elétrico.

Motorização potente

Dois motores localizados um em cada eixo, que produzem juntos 374 cv de potência, equipa a Kombi 2022.

Os propulsores elétricos, se assemelham aos modelos esportivos e sua a aceleração, de acordo com o fabricante, é bastante veloz. A promessa é de fazer de 0 a 100 km/h em apenas 5 segundos e com velocidade máxima de 160 km/h.

Este novo veículo, que ainda está em fase de protótipo, tem tração integral nas quatro rodas e traz baterias nos assoalhos com autonomia de 434 km.

Espaço bem aproveitado

Amplo e otimizado, o espaço interno da nova Kombi condiz com sua plataforma. Ela tem 4,94 m de comprimento, 1,97 m de largura, 1,96 m de altura e 3,30 m de distância entre eixos, capaz de levar até até 6 passageiros.

Para esse novo modelo, a Volkswagen focou também na experiência dos passageiros, assim é possível configurar o interior do veículo para ter espaço para dormir comodamente enquanto não se está conduzindo.

O piso, perde o cheiro característico da Kombi atual, mas traz um agradável assoalho de madeira. A iluminação interna que antes era manuseada pelos tradicionais botõezinhos, agora pode ser adaptada por tons mais próprios para os passageiros relaxarem.

A cabine tem estrutura modular com bancos que são deslocados sobre trilhos, inclusive o do motorista, que pode ser virado para interagir com os acompanhantes se o modo de condução autônomo estiver ativado.

Além do amplo espaço interior, a Kombi tem capacidade para bagagens tanto na parte dianteira como traseira, suportando até 800 kg, a fim de que o modelo tenha espaço para ser utilizado durante viagens de longa distância.

Curiosidades da Kombi

Em 2017, a Kombi brasileira completou 60 anos de fabricação. O primeiro modelo produzido pela Volkswagen no país saiu da linha de montagem em 2 de setembro de 1957. Por essa razão, essa data foi batizada como o Dia da Kombi.

Mesmo fora de produção, a perua continua rodando pelas ruas do Brasil. Em São Paulo, segundo o Detran, Departamento Estadual de Trânsito, existem quase 387mil Kombis registradas só no Estado.

Pelo País, vários encontros e eventos são realizados em 2 de setembro para celebrar a data. Em São Paulo, proprietários e amantes da Kombi costumam ocorrer reuniões, com o público presente podendo ver vários modelos da “Velha Senhora”. Desde 2014, essa data é comemorada pelos admiradores do veículo, com autorização da Volkswagen.

Sucesso com edições especiais

A Kombi fez tanto sucesso no Brasil e no mundo que algumas edições especiais foram lançadas ao longo dos 60 anos de produção.

Confira quatro que mais chamaram a atenção nas ruas e dos amantes dela:

Carat (1996): Versão de luxo, com teto alto, porta lateral e janelas de correr. Capacidade para 7 passageiros. Interior luxuoso com tecido diferenciado.

Série Prata (2006): Edição comemorativa ao fim do motor refrigerado a ar na Kombi. Produção limitada de 200 unidades.

Edição 50 anos (2007): Edição comemorativa aos 50 anos da Kombi. Produção limitada de 50 unidades.

Last Edition (2013): Edição comemorativa ao fim da fabricação da Kombi. Produção limitada inicial de 600 unidades, que mais tarde foi aumentada para 1.200 unidades.

Pilotando Sonhos

Antes de viajar por aí você deve se programar muito bem, olhando o mapa e traçando a rota até o local desejado, isso é muito importante pensando na segurança da viagem e a comodidade, pois quanto melhor o percurso, mais proveitoso será o seu passeio. O Pilotando Sonhos te ajuda a se preparar para a estrada.

Vamos Bater um Papo?