Renault Kwid, o compacto bom de preço e de pista

Os carros compactos chegaram para ficar. Nessa lista inclui o Kwid, uma aposta da Renault que deu mais do que certo e conquistou o gosto dos brasileiros e brasileiras. Sim, elas adoraram o novo modelo.

Carros
2 anos atrás
Renault Kwid, o compacto bom de preço e de pista

Logo em seu lançamento, ele encantou os consumidores devido a combinações de cores chamativas e boas opções de conforto e tecnologia.

O Kwid,que foi fabricado com para atingir o mercado indiano recebeu uma versão brasileira dotada de adaptações, principalmente devido as leis brasileiras de trânsito, bem mais rígidas que as indianas. Nessa toada, o veículo está agradando tudo e todos.

O preço baixo das versões também é um diferencial que tem chamado a atenção dos compradores que procuram um carro compacto para encarar o trânsito das grandes cidades, como São Paulo, por exemplo.

Preços e versões do Kwid

Renault KWID 2018 2019 – Life – R$32.490,00
Renault KWID 2018 2019 – Zen – R$36.990,00
Renault KWID 2018 2019 – Intense – R$41.490,00

Entre os compactos de maior procura, o Kwid ainda configura como o mais barato da categoria. Para completar, ele vem com vários itens de série.

De acordo com a Renault, ele foi escolhido para substituir o antigo Clio. Com status de SUV, oferece, apesar de compacto, um porta mala que acomoda até 290 litros.

Todas as versões já tem como item de fábrica os 4 airbags, indicador de troca de marchas e rodas com aro de 14 polegadas, as versões intermediárias são dotadas de direção elétrica, ar condicionado e acionamento elétrico dos vidros.

Tem também os faróis de neblina, retrovisores elétricos, roda de liga leve, câmera de ré e central multimídia são encontrados apenas na versão top de linha.

Quando o assunto é o estilo, o design segue caracterizado como um SUV dos compactos, com a mesma premissa dos utilitários, porém com visual de um mini-Duster.

O visual inteligente faz dele uma linha com cintura alta, vincos bem pronunciados, frente retangular e com aparente robustez estética, grossas colunas C. O carro é contemplado ainda com lanternas e faróis simples, quatro portas e aparência de hatch aventureiro, mas sem explorar demais exageros desse segmento.

Por dentro,o modelo se apresenta com visual simples, mas atraente. O sistema multimídia vem com GPS, detalhes em preto brilhante e bege, bancos em couro/tecido com padronagem biton, cluster compacto, porta-luvas grande, bons 14 litros de porta-objetivos e muitos outros artigos interessantes.

Renault Kwid pode ser comprado 100% online

A pré-venda do Kwid feita no ano passado apenas pela internet empolgou a Renault que tratou de trabalhar mais que de pressa com a empresa de tecnologia SAP, para desenvolver um sistema que permite a compra total do carro pela internet, inclusive via smartphone.

Com esse sistema inovador no País, o consumidor só precisa escolher a concessionária onde vai retirar o carro. A plataforma, nomeada de K-Commerce incluiu as seguintes funcionalidades:

Definição da forma de pagamento: à vista ou financiamento pelo Banco Renault;

Aprovação on-line do financiamento;

Pré-avaliação do seminovo pelo sistema AutoAvaliar, já utilizada por lojistas e concessionários;

Emissão de boleto para pagamento;

Acompanhamento do pedido pelo site e por e-mail.

Motor e consumo, sinônimos de economia

O Kwid tem sob o capô, o mesmo motor do Logan e do Sandero, 1.0 SCe com três cilindros, capaz de entregar 82 cavalos de potência quando abastecido com etanol e 79 quando abastecido com gasolina, com torque que pode alcançar até 10,5 mkgf devido ao duplo comando de válvulas variável.

O propulsor utilizado faz dele o carro mais econômico da categoria. O modelo é capaz de fazer 15,2 km/l quando abastecido com gasolina e chega a fazer 10,5 quando o combustível é etanol. Nada mal para quem busca gastar pouco nos dias de hoje como valor do combustível nas alturas.

Esse resultado só é possível em razão de seu peso. Com apenas 758 kg, o carro oferece a melhor relação peso/potência, para uma dirigibilidade ágil, com ótimas respostas. Essa combinação permite alcançar marcas impressionantes com o veículo.

Com etanol no tanque, rende 70 cv de potência a 5.500 rpm e torque de 9,8 kgfm a 4.250 rpm. Com gasolina, são 66 cv a 5.500 rpm e 9,4 kgfm a 4.250 rpm.

Ainda para esse ano, a expectativa é de que o carro da marca francesa venha a ter câmbio automatizado Easy´R, mas no momento, o foco mesmo do Renault Kwid é o baixo custo e o uso urbano, atendendo consumidores jovens e casais sem filhos, que vivem mais nos centros urbanos, raramente viajando de carro, além de atender quem precisa de um segundo carro para compensar o rodízio em São Paulo.

Premiado dos pés a cabeça

Confirmando que a fabricante não errou ao lançar o Renault Kwid, o SUV compacto e urbano com menos de um ano no Brasil, foi eleito o “Melhor Carro Compacto” pela CAR Magazine no prêmio CAR Awards Brasil 2018, que está na oitava edição.

Ele conquistou esse título disputando nos quesitos participação no mercado, inovações tecnológicas em relação a concorrência e design. Dessa forma foi eleito pelos leitores da CAR Magazine como o melhor nas três categorias.

Já em 2017, o Kwid também foi eleito a “Melhor Compra 2017”, entre todos os automóveis à venda no Brasil, e melhor compra do segmento na categoria “Carro até R$ 38.000” pela revista Quatro Rodas.

O péssimo desempenho em segurança na versão indiana passa longe do modelo brasileiro. Para isso, o carro recebeu reforços em sua estrutura e conquistou três estrelas na proteção à adultos e outras três na proteção para crianças.

Esses resultados foram divulgados pelo Latin NCAP, que testou a versão vendida no mercado brasileiro.

De modo geral, o resultado conquistado foi avaliado como bom, considerando que este é um dos modelos mais acessíveis do mercado. Na apresentação oficial, os representantes do Latin NCAP elogiaram “o bom trabalho feito pela marca ” na América Latina.

Kwid está entre os cinco mais vendidos

Cada vez mais procurado pelo consumidor brasileiro, o Renault Kwid que apresenta bons resultados desde fevereiro deste ano, mantém-se na quinta posição no ranking mensal de emplacamentos, próximo de passar o Chevrolet Prisma e ganhar a quarta colocação.

Para isso, a montadora está apostando em novas ferramentas para melhorar as vendas do compacto, como a plataforma de venda online. Seu resultado em abril, aliado ao crescimento do Sandero, empurrou a Renault para a quarta posição entre as fabricantes, superando a poderosa Ford.

Avaliações boas e ruins do Kwid

A quem diga que um carro de entrada e com valor como o do Kwid dificilmente consegue ser bom em quase tudo. Mas o compacto brasileiro da Renault conseguiu. A marca se propôs a fazer um carro acessível com espaço interno, design atual, seguro e com baixo custo de manutenção. Isso chama bastante a atenção do consumidor.

“Estou muito feliz com meu Kwid. A dica para quem pretende comprar um, é tentar pegar a versão topo de linha. Não deixa em nada a desejar e vem muito bem equipada. Tem até câmera de ré, dificilmente encontrada em outros carros da mesma categoria”, disse Alessandro Cezar.

Outro ponto positivo apontado foi dito por Aparecido Correia. “Apesar de ser minúsculo, o Kwid possui um porta-malas grande para seu porte. É o maior entre os mesmos carros do segmento. Portanto, a Renault acertou em cheio com esse carro que ganhou status de SUV”, declarou.

O lado negativo fica por conta da acomodação das pessoas. Embora em seu site oficial, a fabricante diz que o modelo comporta cinco pessoas confortavelmente, não é verdade. “O acesso ao banco traseiro é meio complicado e também deixa a desejar. Só para ter noção, mesmo para os mais baixinhos, é recomendável se abaixar para evitar bater a cabeça”, apontou Claudemir Oliveira.

Outra situação adversa encontrada no carro, remete ao travamento das portas. “Elas se travam automaticamente assim que o carro entra em movimento. Para destravá-las, apenas com o veículo parado e por meio de botão no centro do painel. Entendemos que é seguro, mas na estrada isso pode ser perigoso”, pontuou Carlos Augusto.

O que oferece cada versão

Renault Kwid Life
Estofamento Life
Bancos em Tecido
Alerta Sonoro e visual de cintos de segurança
Sistema Isofix
Airbags Laterais e Frontais
Sistema CAR, travamento automático de portas
Nessa versão aparece como opcionais: ar-condicionado e direção elétrica que passaram a ser oferecidos em setembro de 2017.

Renault Kwid Zen
Estofamento Zen
Bancos em Tecido
Alerta Sonoro e visual de cintos de segurança
Sistema Isofix
Airbags Laterais e Frontais
Sistema CAR, travamento automático de portas
Ar – Condicionado
Vidro Dianteiro Elétrico
Direção Elétrica

Renault Kwid Intense
A opção topo de linha visa quem quer um subcompacto realmente completo, tendo como destaque a multimídia MediaNav 2.0 com GPS integrado, o que ajudará bastante no dia a dia das cidades, com o trânsito cada vez pior.

Além disso, por ser muito pequeno, o modelo terá ainda a ajuda de uma câmera de ré para realmente facilitar manobras em vagas apertadas, elevando a segurança.

Assim, o visual mais alegre e os itens adicionais, tornam essa opção a mais atraente.

Confira o que vem nele:

Estofamento Intense
Bancos em Tecido
Rádio Continental 2DIN (Bluetooth, USB E aux)
Alerta Sonoro e visual de cintos de segurança
Sistema Isofix
Airbags Laterais e Frontais
Faróis de Neblina
Sistema CAR, travamento automático de portas
Ar – Condicionado
Vidro Dianteiro Elétrico
Computador de Bordo com múltiplas funções
Direção Elétrica
Kit Fun
Porta – Celular
Carregador USB
Capinha de Chave
Kit Conforto
Farol de Neblina
Módulo One Touch
Vidro Elétrico Traseiro
Kit Aventura
Cooler
Bolsa Organizadora
Câmera Interna
Kit Segurança
Alarme
Sensor de Estacionamento

Ficha técnica do Renault Kwid

Motor: 1.0 SCe – 12v
Transmissão: Manual 5 Velocidades
Tração: Dianteira
Potência: 70 cv (e) / 66 cv (g)
Torque: 9,8 kgfm (e) / 9,4 kgfm (G)
Cilindros: 3 unidades
Cilindrada: 999 cm3
Rodas: Aro 14 polegadas
Distância entre eixos: 2.423 mm
Comprimento: 3.680 mm
Largura: 1.586 mm
Altura: 1.474 mm
Peso: 1.173 kg
Alimentação: Injeção Multi Ponto
Alimentação: Flex (Gasolina e Etanol)
Velocidade Máxima: 156 km/h (e) / Km/h (g)
Tanque de Combustível: 38 l
Porta – Malas: 290 L
Ocupantes: 5 lugares
Direção: Mecânica nas versões de entrada e elétrica na top de linha.
Suspensão Dianteira: MacPherson
Suspensão Traseira: Semi-Independente com barra estabilizadora.
Freio Dianteiro: Sistema ABS – Disco Ventilado
Freio Traseiro: Sistema ABS – Disco Ventilado
A busca pelo Renault Kwid está tão intensa que para adquirir o novo SUV compacto da montadora francesa, os consumidores interessados precisam sinalizar com uma entrada de pelo menos R$1.000,00 para receber o veiculo após 5 meses sem acréscimos no valor promocional.

Pilotando Sonhos

Antes de viajar por aí você deve se programar muito bem, olhando o mapa e traçando a rota até o local desejado, isso é muito importante pensando na segurança da viagem e a comodidade, pois quanto melhor o percurso, mais proveitoso será o seu passeio. O Pilotando Sonhos te ajuda a se preparar para a estrada.

Vamos Bater um Papo?