Sedã da Nissan, novo e diferente, fará estreia mundial

Para quem esperava, a Nissan finalmente vai apresentar seu novo sedã e exibir dois carros-conceito eletrificados na edição deste ano do Salão do Automóvel de Xangai, mostrando aos visitantes como o design e as tecnologias da empresa estão mudando o futuro da mobilidade.

Carros
1 ano atrás
Sedã da Nissan, novo e diferente, fará estreia mundial

O design do novíssimo sedã segue o mais recente estilo característico da Nissan, oferecendo uma série de tecnologias que personificam a Nissan Intelligent Mobility, a visão da empresa para mudar a forma como os carros são propulsionados, conduzidos e integrados à sociedade.

IMs, sedã esportivo

Foi durante o Salão do Automóvel de Detroit, em janeiro desse ano, que a montadora revelou, em primeira mão, o IMs que chega definindo um novo segmento na indústria automotiva: o sedã esportivo elevado.

O design do veículo se beneficia do motor 100% elétrico, com a bateria localizada embaixo da carroceria. Combinado a uma maior distância entreeixos, temos uma cabine elevada e espaçosa, que permite uma configuração inovadora na acomodação dos passageiros.

O carro também funciona no modo autônomo. Nesse caso, o IMs permite uma condução com as mãos totalmente livres. Já no modo manual, o modelo entrega uma empolgante experiência de condução de alta performance, que somente pode ser obtida em um veículo elétrico de última geração.

Tecnologias

Combinando os três princípios da Mobilidade Inteligente da Nissan – Condução Inteligente, Propulsão Inteligente e Integração Inteligente – o IMs aponta para a criação de uma sociedade baseada no transporte sustentável proporcionado pelos veículos elétricos, autônomos e conectados.

A tração do IMs consiste em dois motores elétricos, dianteiro e traseiro, e uma bateria de recarga rápida de 115 kWh, que entrega 483 cv (360 kW) e 81,57 kgfm (800 Nm) de torque, garantindo que o carro-conceito não apenas vai estar à altura dos sedãs esportivos mais modernos, mas também vai deixar muitos deles para trás.

Com tanta tecnologia aplicada, o carro conceito tem autonomia estimada de 610 km com uma única recarga da bateria, se equiparando ao nível de desempenho de seus pares equipados com um motor a gasolina.

O sistema de tração integral de alta performance dá ao modelo um equilíbrio perfeito entre a parte dianteira e traseira, bem como uma força de tração excepcional e uma excelente performance nas curvas em praticamente todas as situações.

E, graças a uma suspensão avançada a ar que se adapta às diferentes situações de condução, o IMs oferece um prazer de dirigir suave e macio, além de uma capacidade de se manter estável nas curvas.

Design externo atraente

O design externo do IMs é caracterizado por linhas horizontais e verticais simples, em vez de superfícies esculpidas. Ele renuncia ao “teto flutuante” característico da Nissan para dar uma nova dimensão à carroceria, com uma coluna dianteira posicionada mais à frente e uma coluna traseira maior.

O design com linhas puras não é apenas esportivo, mas também resulta em um coeficiente de arrasto menor. Além disso, vários componentes da carroceria, como para-lamas, spoiler dianteiro, parte inferior da carroceria e uma bandeja inferior que se estende por toda a carroceria, proporcionam uma força de sustentação negativa mais efetiva e um mínimo de sustentação positiva em alta velocidade.

“Ao observar o legado dos modelos de maior sucesso da Nissan, percebemos que alguns deles – como a primeira geração do Murano e nossa linha Z – têm em comum silhuetas extremamente simples”, comentou Albaisa. “A simplicidade do design faz com que a qualidade percebida aumente de forma natural”.

A linguagem característica do design V-motion da Nissan, que faz parte de toda a linha 2019 de modelos da Nissan, é destacada na frente do IMs, desprovida de grade frontal graças ao posicionamento e formato dos faróis. Com formato em V, o design do conjunto luminoso é ousado e esguio, sendo, ao mesmo tempo, marcante e prático e dando ao veículo um visual futurista, mas também característico da marca. Já as rodas são de 22 polegadas que dão um ar ainda mais esportivo ao modelo.

No modo de condução autônoma, os faróis dianteiros e traseiros do IMs ficam azuis, piscando continuamente na parte central da dianteira e da traseira para alertar os pedestres e demais motoristas de que ele está sendo operado em modo autônomo.

O exterior também apresenta profundas aberturas para as portas, um capô com design tridimensional, lanternas traseiras holográficas, um spoiler traseiro integrado e um para-choque traseiro ‘atrevido’.

Design interno futurista

Se por fora ele já é espetacular, se prepare para conhecer as novidades do interior do IMs. Para expressar o grande espaço oferecido pela cabine, os designers criaram uma separação visual entre a carroceria e a parte traseira. Para dar prioridade ao espaço interno do veículo, todos os componentes do grupo motopropulsor estão confinados sob o assoalho da cabine.

Contrastando com o design externo que remete à era espacial, o interior do IMs foi inspirado em uma casa japonesa contemporânea. Por exemplo, os formatos do painel de instrumentos e dos acabamentos das portas remetem a uma “nave espacial para viajar à lua” com o uso de cores e tecidos escuros que ganham vida com raios de luz, que lembram o luar e a sombra. As cores e materiais dão um ar intimista, podendo ganhar vida ao se acender as luzes em torno dos ocupantes.

No modo de condução manual, o interior do IMs se transforma em um cockpit centrado no motorista, com tecnologias avançadas de assistência ao condutor e displays que apresentam informações em diferentes níveis, dando ao motorista total controle do veículo.
No modo de condução autônoma, o volante da direção se retrai e os bancos dianteiros se viram para o interior, ficando de frente para a inovadora disposição dos assentos traseiros caracterizada pela configuração especial chamada de “Premier Seat”.

“Como não há console central, quando os bancos dianteiros se viram para trás, o interior se torna uma grande e agradável área de relaxamento, onde os ocupantes podem conversar de forma confortável”, comentou Albaisa. “O exclusivo banco traseiro central permite que o principal passageiro desfrute dos recursos de conectividade inteligente do veículo durante todo o trajeto, seja no modo autônomo, ou em funcionamento manual”.

Crossover IMQ

O crossover IMQ, outra grande novidade da Nissan, chega equipado com a tecnologia e-POWER da montadora, que combina uma transmissão elétrica a um motor a gasolina, que gera eletricidade.

Como as rodas são movidas apenas por meio dos motores elétricos do veículo, o IMQ entrega a mesma performance ágil e potente de um carro 100% elétrico. Com uma cintura de carroceria mais alta que confere ao modelo um visual ao mesmo tempo impressionante e agressivo, o IMQ foi revelado pela primeira vez no Salão do Automóvel de Genebra de 2019.

Controle futurístico

O motorista foi priorizado para ser o centro das atenções dentro do IMQ. Isso é destacado pela interface gráfica do usuário, dominada por uma tela de 840 mm embutida no painel de instrumentos. Assim como em um smartphone, ela é totalmente preta quando desligada, mas, quando ligada, ganha vida para exibir tanto o status do sistema e-POWER como outras informações sobre o veículo. Outros usos para as lamelas pretas estão sempre visíveis atrás da tela.

Existe ainda uma tela secundária e menor que aparece sobre o console central, com a função de abrigar o Assistente Pessoal Virtual do IMQ. Ele melhora a experiência de condução controlando as funções do veículo, como a navegação, respondendo aos comandos do motorista.

O volante foi ergonomicamente desenhado para colocar o motorista em uma posição relaxante, maximizando a visibilidade do painel de instrumentos. Na parte de trás da direção ficam controles avançados do tipo borboleta com superfície macia ao toque.

Demonstração de tecnologias

Tecnologia é o que não falta no IMQ. Uma delas é a Invisible-to-Visible (I2V) da Nissan, uma interface 3D onde o “mundo real” converge com o mundo virtual. Desenvolvido pela marca, o sistema I2V ajuda os ocupantes do veículo a ver o que estaria normalmente invisível, aumentando a segurança e o prazer da experiência de dirigir.

Esta oportunidade para “ver o invisível” é possível graças à tecnologia Omni-Sensing da Nissan, que conecta o IMQ às informações do mundo real dentro e fora da cabine, combinadas a informações do mundo virtual, sendo exibidas para o motorista e o passageiro, para uma rica experiência de realidade mista.

A tecnologia não foi aplicada apenas para ser enfeite. Ela pode ajudar os motoristas a ver além da curva, visualizar informações precisas sobre congestionamentos, incluindo as causas, e determinar rotas alternativas para um trajeto sem estresse. Os motoristas podem até mesmo desfrutar da companhia de um passageiro virtual, que se apresenta como um avatar de realidade aumentada em 3D dentro do carro.

O compromisso da marca com um futuro autônomo é apresentado na visão da Mobilidade Inteligente da Nissan, que também se reflete no IMQ. O carro é equipado com um protótipo avançado do sistema de assistência ProPILOT, que auxilia o condutor em ruas urbanas e vias rápidas suburbanas. Isso é possível graças a uma série de câmeras, radares e sensores avançados distribuídos ao redor do veículo, que podem interpretar sinais de informações do trânsito e da pista, proporcionando uma condução mais suave e segura.

“O design do IMQ combina influências japonesas tradicionais e modernas, apresentando o que será possível quando os futuros crossovers forem propulsionados pela Nissan Intelligent Mobility”, comentou Alfonso Albaisa, vice-presidente sênior de design na Nissan. “Com o IMQ, o interior e o exterior se fundem de forma suave, dando pistas de qual será a direção do nosso design na terceira geração de crossovers da Nissan na Europa”.

Mais lançamentos

Aqueles que visitarem o Salão de Xangai também poderão ver uma linha completa de modelos atuais da Nissan, como o Lannia e o Tiida, o emblemático GT-R e o veículo elétrico campeão de vendas em todo mundo, o Nissan LEAF. Os SUVs da Nissan – Kicks, Patrol, Qashqai, Terra e X-Trail – completarão a linha de veículos expostos.
A 18ª edição do Salão do Automóvel de Xangai estará aberta ao público de 18 a 25 de abril, no Centro Nacional de Convenções e Exibições.

Pilotando Sonhos

Antes de viajar por aí você deve se programar muito bem, olhando o mapa e traçando a rota até o local desejado, isso é muito importante pensando na segurança da viagem e a comodidade, pois quanto melhor o percurso, mais proveitoso será o seu passeio. O Pilotando Sonhos te ajuda a se preparar para a estrada.

Vamos Bater um Papo?