Toyota RAV4, quatro motores que dispensam comentários

Vem aí um novo Toyota RAV4. O veículo, que dispensa comentários, está chegando totalmente renovado. O SUV produzido no Japão já tem data e preços definidos para estrear no Brasil.

Carros
1 ano atrás
Toyota RAV4, quatro motores que dispensam comentários

O modelo vem para concorrer na categoria de Honda CR-V e Volkswagen Tiguan com um trunfo muito importante. Em sua quinta geração, o RAV4 será vendido somente em versões híbridas, tecnologia não oferecida pelos concorrentes.

Preços e versões

Segundo a montadora, as vendas começam no País no dia 13 de junho. Confira os valores:

Toyota RAV4 S – R$ 165.990
Toyota RAV4 SX – R$ 179.990

77 cavalos a mais de potência

Ainda falando de preço, o valor inicial subiu R$ 16 mil em relação ao modelo 2019, mas isso tem uma explicação e se deve à nova motorização: a potência aumentou 53%. Foi de 145 para 222 cv.

Em vez do motor 2.0 de 145 cv do modelo atual, o novo SUV funciona com quatro motores, sendo um a gasolina (2.5 de quatro cilindros, 16 válvulas e 178 cv) e três elétricos (que geram outros 120 cv). Em conjunto, eles fornecem tração nas quatro rodas, o que é outra novidade. O modelo que está saindo de linha era vendido apenas com tração dianteira.

No novo RAV4, o motor a combustão move as rodas dianteiras. Já a tração traseira fica a cargo da propulsão elétrica, que entra em ação em caso de necessidade, por exemplo, perda de tração de alguma roda.

Nova plataforma TNGA

A quinta geração do RAV4 utiliza a nova plataforma TNGA, que a Toyota desenvolveu para seus novos veículos híbridos. Ou seja, é a mesma do Prius, Camry e também a que estará no novo Corolla, que chega ao mercado no segundo semestre.

O que diferencia do sedan é o motor a combustão flexível. No RAV4, o 2.5 funciona com gasolina já que este propulsor é dotado de injeção direta e indireta, como alguns modelos da Audi. Embora a arquitetura seja a mesma para todos os modelos híbridos da marca, a Toyota informa que o RAV4 divide com o Camry a plataforma GA-K.

A autonomia é surpreendente. De acordo com a Toyota, graças ao conjunto híbrido, o SUV tem autonomia de até 1 mil km, dependendo do modo de condução. O consumo oficial é de 12,8 km/l na cidade e 14,3 km/l na estrada. Com o tanque de 55 litros, isso equivale a uma autonomia rodoviária de 786 km. O câmbio é automático continuamente variável (CVT). A bateria é de níquel hidreto metálico de segunda geração.

Visual ficou mais agressivo

O novo RAV4 não ganhou apenas potência. O visual também foi alterado e ficou mais agressivo e moderno. A carroceria tem mais vincos, com faróis e lanternas ainda mais estreitos. Essa mudança atende aqueles que achavam grosseiros o artigo no modelo anterior. Assim, temos é um carro com mais personalidade.

Em relação as dimensões, o comprimento praticamente não foi alterado e continua com 4,6 m, apenas 5 mm menor que o anterior, mas o modelo ficou 1 cm mais baixo (1,68 m) e 1 cm mais largo (1,85 m).

A distância entre eixos aumentou 3 cm, para 2,69 m. Isso amplia o espaço interno. O porta-malas tem capacidade para 580 litros, e o interior também foi inteiramente redesenhado. E a altura livre do solo está 1,5 cm maior, agora com 18 cm.

SUV vem bem equipado

Como nas antigas gerações do RAV4, o modelo 2020 vem de desde a versão de entrada, S Hybrid, bastante equipado. O SUV vem com faróis e lanternas de LEDs, rodas de 18 polegadas, sete air bags, bancos parcialmente de couro (com ventilação nos dianteiros e ajuste elétrico para o do motorista), central multimídia com tela de 7″ – que fica destacada do painel -, chave presencial com botão de partida, ar-condicionado de dupla zona, etc.

A versão topo, SX Hybrid, traz adicionalmente teto solar panorâmico, carregador de celular sem fio, abertura de porta-malas por movimento de pé, borboletas para troca de marcha no volante e o pacote de segurança denominado Toyota Safety Sense (TSS).

Esse pacote é dotado de controlador de velocidade adaptativo (acompanha o ritmo do trânsito), frenagem automática de emergência, sistema de manutenção em faixa (com alerta e correção de volante) e farol alto automático (ele reduz sozinho diante de carros à frente, indo ou vindo).

RAV4, um SUV bom de briga

Com design inovador, conforto e tecnologia de ponta, o modelo 2019 do novo RAV4, utilitário esportivo urbano que desembarca no país em sua quarta geração, representa o início de uma nova Era para a Toyota neste segmento.

Lançado em 1994, no Japão, o RAV4 se tornou rapidamente num ícone ao criar um novo segmento no mercado automotivo global, o dos Utilitários Crossovers com vocação urbana, conquistando consumidores em diversos países mundo a fora.

O SUV está disponível em duas versões e se destaca por seu novo desenho exterior marcante e dinâmico, por possuir o melhor espaço interno da categoria, por seu acabamento bem cuidado em todos os detalhes, pelos novos motores e transmissões que combinam desempenho, dirigibilidade e excelente consumo de combustível, além da reconhecida qualidade, confiabilidade e durabilidade Toyota.

Interior acolhedor

O interior do Novo RAV4 é versátil, acolhedor e com um forte apelo de esportividade e sofisticação, características que traduzem o modelo. O painel dianteiro é assimétrico, com controles primários e secundários de fácil acesso. A iluminação dos instrumentos é do tipo Optitron azul, que se adapta a luminosidade externa, o que torna a leitura das informações nítida e agradável em qualquer condição.

O tom predominante no interior do Novo RAV4 é preto com detalhes em padrão fibra de carbono na área do controle dos vidros elétricos e em prata no painel das portas, no volante e na alavanca de transmissão dão um toque ainda mais esportivo e sofisticado ao SUV da Toyota.

A linha do Novo RAV4 oferece o melhor espaço interno do segmento de utilitários esportivos compactos. Tanto em tráfego urbano como em rodagens mais extensas, as três versões do SUV da Toyota trazem amplo espaço para motorista e passageiros.

Se comparado à geração anterior, melhorias foram efetuadas nos bancos dianteiros para melhorar o conforto de quem dirige e também do passageiro. As larguras do encosto e do assento foram aumentadas para expandir a área de contato com o corpo dos ocupantes o que melhora a sensação de conforto.

O encosto cresceu em 30 mm e o assento em 20 mm com seu ângulo inclinado em mais 2º, fazendo com que, especialmente, o motorista tenha melhor ergonomia ao dirigir. O volante recuou mais 40 mm possibilitando acomodação mais confortável.

Atrás, o espaço para os passageiros teve um aumento de 41 mm com a remodelação dos bancos dianteiros, que ficaram mais finos e ergonômicos, mesmo mantendo a medida do entreeixos da versão anterior 2,66m. O passageiro que viaja no centro do banco traseiro também teve seu espaço aumentado com um túnel central praticamente plano. O banco é bipartido 60/40 e os ajustes reclináveis ficam à mão dos passageiros, localizados em sua parte inferior.

Referência: https://jornaldocarro.estadao.com.br/carros/novo-toyota-rav4-hibrido-chega-junho/

Pilotando Sonhos

Antes de viajar por aí você deve se programar muito bem, olhando o mapa e traçando a rota até o local desejado, isso é muito importante pensando na segurança da viagem e a comodidade, pois quanto melhor o percurso, mais proveitoso será o seu passeio. O Pilotando Sonhos te ajuda a se preparar para a estrada.

Vamos Bater um Papo?